Google+ Followers

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Cardeal Bertone vira alvo dos neo modernistas !

Nos ultimos dias ,desde a renúncia do Papa Bento XVI, muitas notícias saíram sobre problemas dentro da Cúria Romana.

Como sabemos a mídia está nas mãos de liberais , maçons , comunistas , socialistas , ou seja progressistas e inimigos da Igreja e da civilização cristã de vários naipes diferentes.Não surpreende portanto que a figura do Cardeal Bertone venha sendo tão atacada.

Mas quem é o Cardeal Bertone ??? 

Tarcísio Bertone , é um salesiano que trabalhou com Bento XVI quando este era Prefeito da Congregação da Doutrina da Fé, servindo como seu secretário.Ratzinger quando eleito Papa escolheu Bertone como Secretário de Estado - uma espécie de primeiro ministro do Estado do Vaticano- e Camerlengo.A defesa dos dogmas e do conservadorismo uniu os dois.

O mundo ouviu falar mais intensamente de Bertone em 2005 .Na ocasião , Arcebispo de Gênova , ele foi manchete nos jornais por lançar um ofensiva contra a obra "Código da Vinci" classificado por ele como "saco de mentiras".Isso o tornou desde então alvo dos ataques dos progressistas e do jornalismo.

Bertone tornou-se o primeiro Secretário de Estado desde 1969 que não saiu do corpo diplomático da Santa Sé.Certamente Bento XVI preteriu homens da diplomacia por saber que desde 1969 as ações nesta área foram desastrosas - basta vermos o quanto o Cardeal Casaroli , Secretario de Estado entre os pontificados de Paulo VI e João Paulo II , se esforçou para aproximar a Igreja de governos laicos e comunistas fazendo concessões ao liberalismo e ao comunismo  ( como no caso em que o Cardeal Casaroli fez acordos com o governo da Itália consagrando o fim da união estado - igreja abrindo espaço para laicizar um pais com população 100 por cento católica , dando fim inclusive ao ensino religioso nas escolas ....na ocasião os jornais soviéticos disseram que "A NOVA CONCORDATA ENTRE O PRESIDENTE ITALIANO E O VATICANO FOI UMA GRANDE VITÓRIA PARA O ATEÍSMO").

Setores da Cúria se sentiram preteridos e se rebelaram contra Bertone e sua orientação mais doutrinal e menos diplomática no trato dos assuntos da Secretaria de Estado.

O Cardeal Bertone não fez grandes esforços para contornar a crise gerada com o mundo muçulmano depois de um discurso de Bento XVI na Universidade de Regensburg , na Alemanha , considerado ofensivo ao Islã; ele impediu que no caso do discurso do Papa sobre o Islã em 2005 se fizessem concessões demais nos esclarecimentos dados pela Santa Sé ao mundo islâmico o que deixou com muita raiva a ala ultra ecumenista.Os opositores de Bertone viam com maus olhos sua falta de preocupação em manter diálogos mais intensos com o Islã e o Judaísmo.Bertone nunca foi entusiasmado pelo diálogo intereligioso.Isso os progressistas não lhe perdoam.

Bertone segurou as decições nada simpáticas do Papa contra o Cardeal Mahony de Los Angeles que acobertou crimes de pedofilia de seus padres.O Papa criou instrumentos para punir bispos omissos nos casos de pedofilia e isso desagradou imensos setores do episcopado que se voltaram contra Bertone que era quem assegurava como Secretário de Estado estas ações.Diante disso nasceu entre os culpados e os da velha escola do LAXISMO ( QUE DEFENDE POUCO RIGOR NAS PUNIÇÕES ) verdadeiro ódio contra o Papa e contra seu Secretário.Para escamotar seu ódio a Bento XVI essa ala lançou-se sobre seu fiel escudeiro , o Cardeal Bertone.

Importa entender que o Papa não pode demitir um Bispo que acobertou pedófilos; o código de Direito Canônico só considera esta possibilidade em casos que atentem contra a verdade de fé.A pedofilia é ato gravíssimo mas não é contra a fé.No entanto o Papa , como possuidor de poder pleno e supremo para julgar e legislar na Igreja, criou mecanismos que levam um bispo a pedir demissão.Isso causou insatisfação entre cardeais e bispos que se sentiam ameaçados em suas posições por estas tomadas de decisão do Papa.

Bertone foi também responsável por segurar a decisão de Bento XVI de retirar a excomunhão dos Bispos da FSSPX o que mais uma vez desagradou os progressistas

Ele também freou Dom Muller que tentou colocar por terra a decisão do Cardeal Ciprini do Peru de retirar a licença para ensinar teologia da PUC do Peru por sua rebeldia contra a hierarquia e doutrina da Igreja.
A reunião interdicasterial que decidiu isso foi convocada pelo Secretário de Estado da Sé Apostólica, Tarcisio Bertone. O objetivo? Analisar a validade de uma carta enviada pelo próprio Müller ao arcebispo de Lima, Juan Luis Cipriani Thorne, no fim de janeiro.
Na missiva, o prefeito Dom Muller , solicitou ao cardeal peruano explicações sobre a sua decisão de não renovar a permissão eclesiástica para lecionar a todos os professores do Departamento de Teologia da “antiga” Pontifícia Universidade Católica do Peru (ex PUCP).O prefeito alemão decidiu atuar em decorrência de uma queixa enviada a Roma por aqueles professores aos quais foram revogados o mandato canônico para lecionar. Eles argumentaram que a revogação foi aplicada por “motivos doutrinais”.Mas a missiva estava viciada na origem. E, portanto, foi considerada inválida pela [reunião] interdicasterial. Em primeira instância, porque se tratou de uma iniciativa “pessoal” do prefeito, que não cumpriu os requisitos de consulta aos especialistas no tema dentro da Congregação para a Doutrina da Fé.

Caros leitores ; os senhores creêm que depois de tudo isso o Cardeal Bertone seria poupado ? Evidente que não!

Desde então pululam calúnias contra Bertone que dizem que ele criou "um governo paralelo dentra da Igreja" que promoveu "lavagem de dinheiro no banco do Vaticano", que criou uma "máfia dentro da Santa Sé" , que "abusou de menores" , que "manobrou pra retirar da direção do IOR o diretor Tedeschi que buscva dar mais trasparência as contas do Banco do Vaticano" ( dito IOR) , etc.

Muitos vaticanistas apontam para o fato de que o escandalo do "Vatileaks" ( ou seja o roubo dos documentos secretos de Bento XVI pelo seu mordomo) foi operado por cardeais inimigos de Bertone.Salvatore Izzo , jornalista e vaticanista afirma "PAOLO GABRIELE ESTAVA SENDO USADO POR CARDEAIS E O PAPA TERIA TIDO UM GRANDE DESPRAZER COM ISSO.PARA UM CARDEAL É DIFÍCIL ASSUMIR ESTAR CONTRA O PAPA ATÉ POR MOTIVOS PISCOLÓGICOS.A HOSTILIDADE ENTÃO FOI DIRIGIDA A BERTONE.MAS O PAPA ENTENDEU ISSO COMO HOSTILIDADE CONTRA ELE."

Alguém ainda tem dúvida que há uma conspiração dentro da Igreja contra a direção mais conservadora que Bento XVI tencionou dar a Igreja ?  


Anexo -
Mais um motivo para Bertone ser odiado ; o Cardeal associou Homossexualismo e Pedofilia , despertando a fúria do movimento gay , da mídia e de governos liberais -socialistas.

Paris condena declarações do cardeal Tarcisio Bertone

por Lusa14 abril 2010
Paris condena declarações do cardeal Tarcisio Bertone

A França foi o primeiro Estado a reagir às controversas declarações do cardeal Tarcisio Bertone, número dois do Vaticano, que associou homossexualidade e pedofilia.

A França condena a "confusão inaceitável" incluída nas controversas declarações do número dois do Vaticano, cardeal Tarcisio Bertone, que associou homossexualidade e pedofilia, indicou hoje o Ministério dos Negócios Estrangeiros francês.
 "Trata-se de uma confusão inaceitável, que nós condenamos", declarou Bernard Valero, porta-voz do ministério durante uma conferência de imprensa quando foi questionado sobre as declarações do cardeal Bertone.
"A França recorda o seu compromisso firme na luta contra as discriminações e os preconceitos associados à orientação sexual e à identidade de género", adiantou.
O cardeal Bertone desencadeou a fúria de organizações homossexuais quando declarou segunda feira no Chile que "numerosos psicólogos e psiquiatras demonstraram que existe uma relação entre homossexualidade e pedofilia".
"Numerosos psicólogos e psiquiatras demonstraram que não havia relação entre o celibato e pedofilia, mas muitos outros demonstraram, e disseram-me recentemente, que existe uma relação entre homossexualidade e pedofilia", afirmou o cardeal Bertone no Chile na segunda feira. 

Um comentário:

  1. Uma confusão dos diabos setores externos e internos criam para uma situação de descrédito da Igreja. Há muita divulgação secular que é na verdade um serviço de desinformação para formar opiniões caluniosas e injuriosas. Entretanto, o pior ataque que a Igreja sofre vem da ala progressista, modernista e apóstata mas esses infernais não prevalecerão jamais, Jesus Cristo já triunfa e assim o será para todo o sempre. Ai desses!!!

    Altimar da Silva

    ResponderExcluir